banner novo

banner novo

Quem sou eu

Minha foto
Brazil
O Núcleo Estadual de Educação de Jovens e Adultos e de Cultura Popular Felipe Roberto Sehn iniciou suas atividades no mês de dezembro de 2002. Localiza-se na Rua Epitácio Pessoa, n° 380 no município de Carazinho/RS (telefone: 054 – 33312271). O Regimento organiza a identidade do Núcleo para a oferta e certificação via exames fracionados que visa garantir a certificação de jovens e adultos no Ensino Fundamental e Médio via exames fracionados. O principal objetivo dos exames fracionados é avaliar as habilidades e competências básicas de jovens e adultos que não tiveram oportunidade de acesso à escolaridade na idade regular. Dessa forma, o participante se submete a uma prova e, alcançando a média mínima exigida, obtém a certificação de conclusão daquela etapa educacional. São oferecidas no Núcleo aulas de apoio, para os estudantes que assim desejarem, nas diferentes áreas do conhecimento.

terça-feira, 27 de junho de 2017



                                          

           Área IV- Ciências Humanas -  História e Geografia

1. A SUPERFÍCIE DA TERRA
·                 Conhecer os continentes e oceanos da Terra no MAPA MUNDI
1-              GLOBALIZAÇÃO
·                 Globalização é um conjunto de transformações na ordem política e econômica mundial visíveis desde o final do século XX.  Trata-se de um fenômeno que criou pontos em comum na vertente econômica, social,cultural e política, e que consequentemente tornou o mundo interligado, uma Aldeia Global.
·                 O processo de globalização é a forma como os mercados de diferentes países interagem e aproximam pessoas e mercadorias. A quebra de fronteiras gerou uma expansão capitalista onde foi possível realizar transações financeiras e expandir os negócios - até então restritos ao mercado interno - para mercados distantes e emergentes.
·                As interligações comerciais estão no nosso dia. Exemplo: artigos de outros países; lojas de materiais baratos (lojas de R$1,99) ; informações via satélite; internet. Tudo isso evidencia características de GLOBALIZAÇÃO.

2-              ASTRONOMIA
·                A Astronomia é uma ciência natural que estuda corpos celestes (como estrelas, planetas, cometas, nebulosas, aglomerados de estrelas, galáxias) e fenômenos que se originam fora da atmosfera da Terra.
·                Como todos os corpos do Universo, a Terra também não está parada. Ela realiza inúmeros movimentos. Os dois movimentos principais do nosso planeta são o de rotação e o de translação, cujos efeitos sentimos no cotidiano.
·                Rotação
O movimento de rotação da Terra é o giro que o planeta realiza ao redor de si mesmo, ou seja, ao redor do seu próprio eixo. Esse movimento se faz no sentido anti-horário, de oeste para leste, e tem duração aproximada de 24 horas (Figura 1, abaixo). Graças ao movimento de rotação, a luz solar vai progressivamente iluminando diferentes áreas, do que resulta a sucessão de dias e noites nos diversos pontos da superfície terrestre.
Vale lembrar que, durante o ano, a iluminação do Sol não é igual em todos os lugares da Terra, pois o eixo imaginário, em torno do qual a Terra faz a sua rotação, tem uma inclinação de 23o 27, em relação ao plano da órbita terrestre.
O movimento aparente do Sol - ou seja, o deslocamento do disco solar tal como observado a partir da superfície - ocorre do leste para o oeste. É por isso que, há milhares de anos, o Sol serve como referência de posição: a direção onde ele aparece pela manhã é o leste ou nascente - e a direção onde ele desaparece no final da tarde é o oeste ou poente.
·                Translação
Já o movimento de translação é aquele que a Terra realiza ao redor do Sol junto com os outros planetas. Em seu movimento de translação, a Terra percorre um caminho - ou órbita - que tem a forma de uma elipse.
A velocidade média da Terra ao descrever essa órbita é de 107.000 km por hora, e o tempo necessário para completar uma volta é de 365 dias, 5 horas e cerca de 48 minutos.
Esse tempo que a Terra leva para dar uma volta completa em torno do Sol é chamado "ano". O ano civil, adotado por convenção, tem 365 dias. Como o ano sideral, ou o tempo real do movimento de translação, é de 365 dias e 6 horas, a cada quatro anos temos um ano de 366 dias, que é chamado ano bissexto.
                         
3-              ORIENTAÇÃO
OS PONTOS DE REFERÊNCIA UNIVERSAIS, TAMBÉM CHAMADOS DE PONTOS CARDEAIS
·                Nascente: lugar onde o Sol surge no horizonte. Também chamado de LESTE OU ORIENTE
·                Poente: lugar onde o Sol desaparece no universo. Também chamado de OESTE OU OCIDENTE


4-              GRANDES AMBIENTES DA TERRA – atmosfera; relevo; hidrografia; vegetação
·                ATMOSFERA
Atmosfera é o nome dado à camada gasosa que envolve os planetas. No caso da atmosfera terrestre ela é composta por inúmeros gases que ficam retidos por causa da força da gravidade e do campo magnético que envolve a Terra.

CAMADAS DA ATMOSFERA
A troposfera, que geralmente se estende a 12 km (entre 20 km no equador e 8 km nos pólos). É nesta camada que acontecem praticamente todos os fenômenos que influenciam o tempo.
A estratosfera, estende-se até aproximadamente 50 km com temperaturas parecidas com as da troposfera até o limite de 20km. Esta camada é mais quente por causa do ozônio que se acumula e que absorve os raios ultravioletas.
Na mesosfera, a temperatura novamente diminui. Esta camada vai até cerca de 80 km. A esta altura, a temperatura chega a -90ºC!
E a termosfera, que não possui um limite inferior muito bem definido. Aqui as moléculas se agitam com uma velocidade enorme, o que significaria uma temperatura altíssima. Entretanto, a concentração dessas moléculas é muito baixa o que diminui drasticamente a quantidade de energia que essas moléculas poderiam transmitir para qualquer corpo que se encontrasse ali, anulando, de certa forma, a temperatura. A termosfera, por sua vez, compreende uma camada situada entre 80 a 900 km, chamada de ionosfera.
A ionosfera, como o próprio nome já diz, é composta por uma infinidade de íons criados a partir da radiação solar que incide nas moléculas de oxigênio e nitrogênio, liberando elétrons. A ionosfera é composta por três camadas (da mais próxima a mais distante) D, E e F que possuem concentrações diferentes de íons. Durante a noite as camadas D e E praticamente desaparecem, porque não há incidência de raios solares e, conseqüentemente, não há formação de íons. Ou seja, durante a noite, os íons se recombinam formando novamente as moléculas de oxigênio e nitrogênio. Mas, à noite ainda há incidência de raios solares, mesmo que de menor intensidade, o que explica porque a camada F não se extingue também.
ATENÇÃO - LEMBRE QUE A CAMADA DE OZÔNIO É UMA PARTE IMPORTANTE DA ATMOSFERA, DESTINADA A PROTEGER A TERRA DOS RAIOS ULTRAVIOLETAS. ELES SÃO PREJUDICIAIS À VIDA.
·                RELEVO
·                                                          Formas de Relevo

Planaltos

Os planaltos, também chamados de platôs, são áreas de altitudes variadas e limitadas, em um de seus lados, por superfície rebaixada. Os planaltos são originários das erosões provocadas por 
água ou vento. Os cumes dos planaltos são ligeiramente nivelados.
Exemplo: Planalto Central no Brasil, localizado em território dos estados de Goiás, 
Minas Gerais, Tocantins, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Planícies

É uma área geográfica caracterizada por superfície relativamente plana (pouca ou nenhuma variação de altitude). São encontradas, na maioria das vezes, em regiões de baixas altitudes. As planícies são formadas por rochas sedimentares. Nestas áreas, ocorre o acúmulo de sedimentos.
Exemplos: Planície Litorânea, Planície Amazônica e Planície do 
Pantanal.

Depressões

As depressões são regiões geográficas mais baixas do que as áreas em sua volta. Quando esta região situa-se numa altitude abaixo do nível do mar, ela é chamada de depressão absoluta. Quando são apenas mais baixas do que as áreas ao redor, são chamadas de depressões relativas. As crateras de 
vulcões desativados são consideradas depressões. É comum a formação de lagos nas depressões.
Exemplo: Depressão Sul Amazônica

Montanhas

As montanhas são formações geográficas originadas do choque (encontro) entre 
placas tectônicas. Quando ocorre este choque na crosta terrestre, o solo das regiões que sofrem o impacto acabam se elevando na superfície, formando assim as montanhas. Estas são conhecidas como montanhas de dobramentos. Grande parte deste tipo de montanhas formaram-se na era geológica do Terciário. Existem também, embora menos comum, as montanhas formadas por vulcões.
As altitudes das montanhas são superiores as das regiões vizinhas. Quando ocorre um conjunto de montanhas, chamamos de cordilheira.


HIDROGRAFIA


·                A hidrografia é o ramo da geografia física que estuda as águas do planeta, abrangendo portanto rios, mares, oceanos, lagos, geleiras, água do subsolo e da atmosfera.
·                O Brasil tem um dos maiores complexos hidrográficos do mundo, apresentando rios com grandes extensões, larguras e profundidades. A maioria dos rios brasileiros nasce em regiões pouco elevadas, com exceção do rio Amazonas e de alguns afluentes que nascem na cordilheira dos Andes.
O Brasil possui 8% de toda a água doce que está na superfície da Terra. Além disso, a maior bacia fluvial do mundo, a Amazônica, também fica no Brasil. Somente o rio Amazonas deságua no mar um quinto de toda a água doce que é despejada nos oceanos.
A DIVISÃO DO GLOBO EM PÓLOS DE INFLUÊNCIA
A-             MUNDO BIPOLAR – Divisão em Bloco de influência dos EUA e da antiga União Soviética. Nesta época, o confronto entre estes dois países era denominado: GUERRA FRIA. Esta época ocorreu até o século XX.

B-             MUNDO MULTIPOLAR – Divisão do mundo atual em vários polos de influência. Atualmente, no início do século XXI, temos 3 grandes polos de influência:
- EUA
- UNIÃO EUROPÉIA
- JAPÃO

4 -  CARACTERÍSTICAS DO 3º MUNDO

·                A expressão “Terceiro Mundo” surgiu na época da Guerra Fria, denominando os países que não estavam nem do lado dos EUA nem do lado da URSS, os chamados “não – alinhados
·                Países considerados subdesenvolvidos
·                Atualmente o termo “terceiro mundo” não serve mais para o mesmo propósito de designar os não-alinhados, mas é substituído por um outro termo que ainda é fruto de uma polarização mundial, a econômica. Os países do terceiro mundo são chamados hoje de países em desenvolvimento.
5- TRANSPORTES
Os principais meios de transporte são os seguintes: terrestres (ferroviário, rodoviário e metroviário), aquáticos ou hidroviários (marítimo, fluvial e lacustre) e aéreo.
TRANSPORTE FLUVIAL
É um dos mais antigos meios de transporte que se conhecem, tendo desempenhado importante papel na penetração, povoamento e ocupação do interior dos continentes. Nesses casos, os rios funcionaram como verdadeiros caminhos naturais.
BRASIL CARACTERÍSTICAS GERAIS
·                O BRASIL NO GLOBO
o        TODO NO HEMISFÉRIO OCIDENTAL
o        A MAIOR PARTE NO HEMISFÉRIO SUL
o        PEQUENA PARTE NO HEMISFÉRIO NORTE
o        REGIÕES ADMINISTRATIVAS DO BRASIL
·                O território do Brasil possui dimensões continentais.
·                Território brasileiro se encontra dividido em 26 Estados e um Distrito Federal, que abriga a capital do país - Brasília.

Nenhum comentário:

Postar um comentário